Por Dentro das Imagens

21.09.2016


Acabou de chegar às livrarias o meu livro Por Dentro das Imagens: Obras de Cinema, Ideias do Cinema, publicado pela Documenta. Pode adquirido também através do sítio electrónico da Sistema Solar, aqui. O meu sincero agradecimento ao Manuel Rosa pelo acolhimento entusiástico a este projecto e ao CEIS20 - Centro de Estudos Interdisciplinares do Século XX da Universidade de Coimbra pelo apoio financeiro a esta publicação. Deixo as palavras que se podem ler na contracapa:

Estas páginas demonstram bem o que sempre me fascinou e continua a fascinar nas imagens em movimento: o modo como pedem para ser analisadas e pensadas dentro do movimento que as anima.

A primeira parte inclui análises a obras de cinema, de filmes isolados a grupos de filmes de cineastas. A segunda parte contém reflexões sobre ideias do cinema, não aquelas desenvolvidas pelos artistas, mas aquelas que emergem da história e prática do cinema e do pensamento que as tenta acompanhar. As duas partes conjugam-se, demonstrando as cisões e intersecções entre a análise fílmica e a reflexão teórica. A experiência de uma obra no presente dá lugar, mais tarde, à consideração dessa experiência passada que se torna presente. De igual modo, as ideias do cinema estão antes e depois da percepção dos filmes e da reflexão sobre eles, num permanente durante.


Ramin Bahrani: Imagens da Periferia (2)

20.09.2016


Plastic Bag (“Saco de Plástico”, 2009).


Sigur Rós’s “Ég anda” (2012).


Lift You Up (“Levanto-te”, 2014).


Lemonade War (“Guerra da Limonada”, 2014).



Goodbye Solo (“Adeus Solo”, 2008).


Estes filmes serão mostrados amanhã nas Sessões do Carvão, os primeiros às 18:30, o segundo às 21:30.

______________________

“Ramin Bahrani: Imagens da Periferia”: (1)

A Vida Sobre a Morte

15.09.2016


Saul fia.


O jornal Avante! publica hoje um texto assinado por mim sobre um filme notável, Saul fia (O Filho de Saul, 2015), recentemente lançado em DVD em Portugal. A versão electrónica deste artigo, que tem por título “A Vida Sobre a Morte”, está disponível aqui.

Ramin Bahrani: Imagens da Periferia (1)

13.09.2016


Man Push Cart.



Chop Shop (“Oficina de Desmantelamento”, 2007).


Estes filmes serão mostrados amanhã nas Sessões do Carvão, o primeiro às 18:30, o segundo às 21:30.

Os filmes de Ramin Bahrani, realizador estado-unidense e iraniano, compõem um conjunto de olhares compassivos sobre quem vive na periferia da realidade social dos EUA: do emigrante paquistanês que percorre as ruas de Manhattan, sobrevivendo a vender café e bagels, em Man Push Cart (“Homem Empurra Carrinho”, 2005) às famílias que ficam sem casa, vítimas da especulação imobiliária, em 99 Homes (“99 Casas”, 2014). Em vez da dimensão retórica, o que sobressai é a observação atenta: a duração intensifica cada momento e o detalhe apura o desenvolvimento narrativo. O seu cinema conjuga assim matrizes que vêm do cinema do Irão e do cinema dos EUA. As suas obras têm marcado presença e sido premiadas em festivais internacionais de cinema como o Festróia – Festival de Cinema de Setúbal, que galardoou a sua primeira longa-metragem, e têm tido particular destaque no Festival de Veneza. Este ciclo inclui as cinco longas-metragens dirigidas por Bahrani e ainda três curtas-metragens e um vídeo musical para a banda islandesa Sigur Rós.

Sessões do Carvão: “Ramin Bahrani: Imagens da Periferia”

12.09.2016



14 SET.

18:30   Man Push Cart (“Homem Empurra Carrinho”, 2005), real. Ramin Bahrani

21:30   Chop Shop (“Oficina de Desmantelamento”, 2007), real. Ramin Bahrani

21 SET.

18:30   Plastic Bag (“Saco de Plástico”, 2009) | Sigur Rós’s “Ég anda” (2012) | Lift You Up (“Levanto-te”, 2014) | Lemonade War (“Guerra da Limonada”, 2014), real. Ramin Bahrani

21:30   Goodbye Solo (“Adeus Solo”, 2008), real. Ramin Bahrani

28 SET.

18:30   At Any Price (A Qualquer Preço, 2012), real. Ramin Bahrani

21:30   99 Homes (99 Casas, 2014), real. Ramin Bahrani

The Law of Capital

12.09.2013


La loi du marché.


The original version of “The Law of Capital” was published in Portuguese in Avante!, the weekly newspaper of the Portuguese Communist Party. Many thanks to Film International and to Jacob Mertens, one of its editors, for this opportunity to publish this short article in English. It is available here.

Territórios do Cinema

08.09.2013


Territórios do Cinema: Representações e Paisagens da Pós-Modernidade acaba de sair através da imprensa da Universidade de Málaga. Um agradecimento aos dois colegas do Departamento de Geografia da Universidade de Coimbra que coordenaram este volume, a Fátima Velez de Castro e o João Luís J. Fernandes, pelo convite que fizeram para participar neste projecto. O ensaio que escrevi para esta colecção, “A Cidade das Imagens: Três Olhares Fílmicos sobre a Urbanidade de Hoje”, é uma reflexão sobre a urbanidade contemporânea a partir da análise crítica de três filmes: Shijie (O Mundo, 2004) realizado por Zhang-ke Jia, Film socialisme (Filme Socialismo, 2010) realizado por Jean-Luc Godard, e Wall Street: Money Never Sleeps (Wall Street: O Dinheiro Nunca Dorme, 2010) realizado por Oliver Stone. O livro pode ser descarregado de forma gratuita, lido online, ou comprado em versão impressa aqui.

CineAvante! 2016

31.08.2016


As informações detalhadas sobre as sessões estão disponíveis aqui.

Na Terra de Oz

14.07.2016


Where to Invade Next.


O jornal Avante! publica hoje um texto assinado por mim sobre o novo filme dirigido por Michael Moore, parcialmente filmado em Portugal, Where to Invade Next (E Agora Invadimos o Quê?, 2016). A versão electrónica deste artigo, que tem por título “Na Terra de Oz”, está disponível aqui.

Abbas Kiarostami (1940-2016)

04.06.2015


Nema-ye Nazdik (Close-Up, 1990).