(Re)Acção: Química e Cinema (1)

03.02.2015


The Count of Monte Cristo (O Conde de Monte Cristo, 1934).


Será mostrado amanhã nas Sessões do Carvão, às 21:30 (com um comentário de Sérgio Rodrigues do Departamento de Química da FCTUC), na Casa das Caldeiras. Este ciclo integra-se na 17.ª Semana Cultural da Universidade de Coimbra e nas comemorações dos 725 anos desta instituição.

A química e o cinema sempre tiveram relações estreitas, não só por razões técnicas, mas também por motivos temáticos e narrativos. Para o presente ciclo seleccionámos um conjunto de curtas e longas metragens que se cruzam com a química de formas múltiplas. Estas obras proporcionam a fruição e leitura de filmes relevantes na história do cinema nacional e internacional, atravessando diversos géneros, que nos mostram o modo como a química e o produto das suas experiências podem transformar a existência humana.

Terror Contemporâneo (1)

03.02.2015


Lat den ratte komma in (Deixa-me Entrar, 2008).


Será mostrado amanhã nas Sessões do Carvão, às 18:30, na Casa das Caldeiras.

O cinema de terror tem uma longa e rica tradição que permanece viva, gerando grandes filmes contemporâneos. Este ciclo reúne algumas dessas obras recentes que merecem destaque, produzidas na Suécia, nos EUA, na Austrália, no Japão, em França, em Espanha, e em Portugal. Estas origens, espalhadas por quatro continentes, permitem traçar um panorama diversificado do terror cinematográfico de hoje e, em simultâneo, ligar essa diversidade a um olhar crítico sobre história e cultura de cada povo e país.

Sessões do Carvão: “(Re)Acção!: Química e Cinema”

02.03.2015



4 MAR.

21:30   The Count of Monte Cristo (O Conde de Monte Cristo, 1934), real. Rowland V. Lee

Comentário de Sérgio Rodrigues (Departamento de Química da FCTUC)

11 MAR.

18:30   O Leproso (1974), real. Sinde Filipe | Domingo à Tarde (1966), real. António de Macedo

18 MAR.

18:30   The Nutty Professor (As Noites Loucas do Dr. Jerryll, 1963), real. Jerry Lewis

25 MAR.

18:30   Le chant du Styrène (O Canto do Estireno, 1959), real. Alain Resnais | The Last Man on Earth (O Último Homem na Terra, 1964), real. Ubaldo Ragona e Sidney Salkow

1 ABR.

18:30   The Invisible Man (O Homem Invisível, 1933), real. James Whale

8 ABR.

18:30   Le Laboratoire de l’angoisse (O Laboratório da Angústia, 1971), real. Patrice Leconte | Mary Reilly (1996), real. Stephen Frears

Sessões do Carvão: “Terror Contemporâneo”

02.03.2015



4 MAR.

18:30   Lat den ratte komma in (Deixa-me Entrar, 2008), real. Tomas Alfredson

11 MAR.

18:30   The Innkeepers (Hóspedes Indesejados, 2011), real. Ti West

18 MAR.

18:30   The Babadook (O Senhor Babadook, 2014), real. Jennifer Kent

25 MAR.

18:30   Kairo (2001), real. Kiyoshi Kurosawa

1 ABR.

18:30   Trouble Every Day (2001), real. Claire Denis

8 ABR.

18:30   El orfanato (O Orfanato, 2007), real. J. A. Bayona

15 ABR.

18:30   Coisa Ruim (2006), real. Tiago Guedes e Frederico Serra

Duetos

27.02.2015

Pós-Doc

27.02.2015

Larisa Shepitko: Comoções do Humano (3)

24.02.2015


Voskhozhdeniye (Ascensão, 1977).



Larisa (1980).


Proshchanie (Adeus a Matiora, 1983).


Serão mostrados amanhã nas Sessões do Carvão, o primeiro às 18:30, os segundos às 21:30, na Casa das Caldeiras.

______________________

“Larisa Shepitko: Comoções do Humano”: (1) | (2)

Magic and Loss

20.02.2015


After a long period of gestation, the essay collection on Carnivàle (2003-5) will be finally out at the end of next month. “Carnivàle” and the American Grotesque: Critical Essays on the HBO Series is edited by Peg Aloi and Hannah E. Johnston, to which I am (and doubtless all contributors to the volume are) deeply grateful for not giving up on this book project. My chapter is entitled “Magic and Loss: Style, Progression and the ‘Ending’ of Carnivàle”. Daniel Knauf, the television series’ creator, was kind enough to write a foreword to the collection.

Cinema, Livros, Literatura: Inadaptações

18.02.2015

Larisa Shepitko: Comoções do Humano (2)

17.02.2015


Nachalo nevedomogo veka (Começo de uma Era Desconhecida, 1967).



Ty i ya (Tu e Eu, 1971).


Serão mostrados amanhã nas Sessões do Carvão, o primeiro às 18:30, o segundo às 21:30, na Casa das Caldeiras.

______________________

“Larisa Shepitko: Comoções do Humano”: (1)